Monara Marques
Facebook Twitter Instagram YouTube
Contato
SOBRE
Monara Marques
EIS O MELHOR E O PIOR DE MIM....

O meu termômetro, o meu quilate. Vem, cara, me retrate. Não é impossível. Eu não sou difícil de ler.

O infinito de Marisa Monte não é tão particular. Roubei, na cara dura, um trecho de sua genialidade pra explicar minha insignificância. É assim que eu me sinto com todo esse universo ao meu redor. Às vezes completa, às vezes só. Mas nunca parada. Com 18 anos, resolvi ser porta-bandeira do mundo. Girei, girei, até cair em Budapeste, uma cidade parecida comigo: completamente dividida. “Pluralista”, diriam os colegas das Relações Internacionais, meu primeiro curso universitário. Migrei pro Jornalismo antes que me alistassem a um guerra. Mal sabia eu que estava entrando em uma interminável batalha. Assim são os jogos de futebol, uma das minhas especialidades. Pra quem duvida, está tudo no meu currículo, que em nada combina com storytelling. Atuando na Publicidade, descobri que há um jeito bem mais legal de contar histórias. E é assim que pretendo compartilhar a minha.

Saiba mais

8.set.2016
Compartilhe: Compartilhe Facebook Compartilhe Twitter Compartilhe Google Compartilhe Pinterest

O clima de Copa do Mundo deu as caras nessa semana com a disputa dos jogos Eliminatórios ao redor do mundo. Mas não parou por aí.

AS MUDANÇAS
Gianni_Infantino_Fifa

Considerado o maior torneio de seleções do mundo, o Mundial pode ganhar um novo formato, em breve. Gianni Infantino usou como um dos argumentos para ser eleito presidente da Fifa uma mudança na quantidade de representantes na Copa do Mundo. Ao invés de 32, como é atualmente, seriam 40 seleções na disputa, o que animou muitos países de menor expressão no futebol e, atualmente, sem grandes chances de participar da competição.

E TEM MAIS
fifa_reuniao

Em outubro, já está marcada uma reunião com o Conselho da Entidade, para consolidar a mudança. Além dessa novidade, Infantino colocará em pauta a possibilidade de três países sediarem simultaneamente o evento, o que pode acontecer já na Copa de 2026, tendo Estados Unidos, Canadá e México como favoritos à vaga.

Tem algum comentário a fazer sobre essa notícia? É só clicar aqui.

*Opinião de Monara Marques para a Rádio 730, no dia 08 de setembro de 2016. Clique aqui para ouvir e se inscrever no nosso podcast.

CRÉDITOS
Imagens: Reproduções/Internet

Alexandre Ferrari

Jornalista
Veja também: